A Ford está expandindo globalmente o uso da tecnologia de realidade mista HoloLens, da Microsoft, para ganhar velocidade no desenvolvimento de seus veículos. Usando os óculos especiais que projetam hologramas sobre um modelo real, os designers podem mudar instantaneamente vários elementos do carro, como grade, espelhos, faróis e outros detalhes, que antes dependiam da moldagem em argila para ser observados – veja o vídeo.

De forma pioneira, a Ford testa essa ferramenta há um ano nos estúdios em Dearborn e agora está expandindo o seu uso para todo o mundo. Com os óculos HoloLens, basta rolar um botão para ver variações de forma, tamanho e textura de partes do carro, em imagens de alta qualidade projetadas sobre um carro ou modelo de argila real. Assim, um trabalho que poderia demorar semanas é realizado em questão de horas.

“É incrível poder combinar o antigo e o novo – modelos de argila e hologramas – para ganhar tempo e interagir rapidamente na criação de um veículo”, diz Jim Holland, vice-presidente de engenharia de componentes e sistemas da Ford. “O HoloLens é uma ferramenta poderosa de design nessa época de mudanças rápidas, em que temos de reinventar os veículos e as experiências de mobilidade.”

“Ainda não podemos nos teletransportar, mas com o HoloLens conseguimos revisar projetos 3D com designers e engenheiros de todo o mundo em tempo real”, completa Craig Wetzel, gerente de operações técnicas de design da Ford. “E apenas arranhamos a superfície, as possibilidades para o futuro são quase ilimitadas, o que é muito empolgante.”

Vendo o futuro

O HoloLens escaneia e mapeia o ambiente enquanto o designer anda em torno de um carro real. Usando um computador com Windows 10 e um dispositivo holográfico integrado, os óculos renderizam hologramas e imagens a partir do ângulo que o carro é visto. E fazem isso com precisão muito maior que um GPS e de forma totalmente móvel, diferentemente de outros óculos que precisam ser conectados por cabos a um computador.

As imagens holográficas em 3D permitem aos designers, por exemplo, checar a visão que o motorista terá no retrovisor e realizar em questão de horas o estudo de uma grade que levaria semanas no sistema tradicional. Os óculos também podem ser sincronizados para vários membros da equipe verem um projeto simultaneamente e permite que eles gravem comentários de áudio – como “notas adesivas” de alta tecnologia – para colegas que trabalham em locais e fusos horários diferentes.

A Ford estuda também a aplicação do HoloLens em outros processos de desenvolvimento de engenharia para reforçar sua liderança no uso de tecnologias avançadas de visualização, como a realidade virtual.

“O HoloLens permite que toda uma equipe colabore, compartilhe e experimente ideias junto”, diz Elizabeth Baron, especialista em realidade virtual e visualização avançada da Ford. “A mistura de modelos virtuais e físicos é emocionante porque ajuda a comunicar e ver de forma eficaz como será o produto desde o início do processo. Isso traz grande liberdade e eficiência na criação de protótipos.”